Os Meus Artigos

domingo, 27 de abril de 2008

Tarte de Côco


180 gr açucar
4 ovos inteiros
1 pct natas
1 pct côco ralado
1 base massa folhada
Bater muito bem os ovos inteiros com o açucar, juntar o côco e as natas e envolver bem.
Com o forno já pré-aquecido a 180º, estende-se a massa envolvida no papel vegetal numa forma redonda para tartes, pica-se a massa com um garfo para ajudar a cozer.
Deita-se o preparado dentro da massa e vai a cozer cerca de 20/30 minutos.
Depois de arrefecer um pouco, desenforma-se, pega-se pelo papel vegetal e desliza-se para o prato.
Para quem gosta de côco, é muito fácil e rápida de fazer e fica deliciosa!

7 comentários:

maria costa disse...

Com fotos é muito melhor...
Bom, esta tarte tem um aspecto divinal e eu até nem gosto muito de côco.
Beijos

Cenourita disse...

Sem dúvida que por vezes uma foto vale mais do que mil palavras...
O meu problema em carregar as fotos ainda não está bem resolvido, é mesmo da internet, está muito lenta. Espero que melhore em breve.
Olha que mesmo quem não gostava de côco ficou a gostar com esta tarte, fica húmida e muito boa, experimenta!
Beijinhos***

Ana Rita disse...

Bué boa... E já há muito tempo que não se comia esta tarte na tasca... Andava tudo enjoado!!! lol

Guida* disse...

Olá! Eu adoro tarte de coco e a sua tem um aspecto delicioso!!!

Em relação aos seus livros, também já li "Queimada viva" e achei uma impressionante.

Beijinhos**

Cenourita disse...

Olá Guida*
De facto, a histórias que é verídica impressionou-me e de que maneira... Como é possivel existirem culturas com hábitos e costumes tão atrozes... Nem aos animais, quanto mais ao sere humano! A leitura deste livro despertou-me mais para este tipo de acontecimentos e pretendo ler brevemente um outro "Desfigurada".
Beijinhos***

Twincam16V disse...

É aqui que se deixam os commentarios??
É so pa dizer k até se come bem na tasca!!
A ginja tb custuma ser bastante boa...

Bjs

Cenourita disse...

Olha quem é ele!!! O twincam, outro "filhote" cá da Tasca...
Obrigado pela visita e pelo comentário (que já tardava eheheh)
Ah e as broínhas da avó estavam muito boas, tens que lhe pedir a receita :)

Beijinhos***

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...